Comunicado pcp ucrania

comunicado pcp ucrania

Por que o PCP condenou a escalada de confrontação com a Ucrânia?

O PCP condenou esta terça-feira a escalada de confrontação que afirmou ser promovida pelos Estados Unidos e a NATO contra a Rússia, com recurso a uma intensa campanha de desinformação, que constitui uma séria ameaça à paz. ucrânia. Queremos [invadir a Ucrânia]?

O que aconteceu com a Ucrânia?

Os EUA alertaram, na sexta-feira, que a Rússia podia atacar a Ucrânia a qualquer momento e aconselharam os seus cidadãos a sair do país, no que foram seguidos por vários governos, incluindo o de Portugal.

Por que o PCP não foi capaz de sair do buraco?

“O PCP não só não foi capaz de sair do buraco, como foi cavando vários buracos. Depois de condenar o Ocidente, a NATO e os EUA, defendendo Vladimir Putin, sem se aperceber que Putin é uma das referências da direita radical atual, o PCP só condenou Putin devido às críticas que ele fez a Lenine”, acusa o politólogo, disparando:

Qual a visão do PCP sobre a invasão russa?

PCP ‘corrige’ A 22 de fevereiro, dois dias antes do arranque da invasão russa na Ucrânia, o PCP publicava um comunicado dando conta da sua visão do conflito, e acusando, principalmente, as “décadas de política de tensão e crescente confrontação dos EUA e da NATO contra a Federação Russa”.

Pode haver uma guerra em 2022? Esse conflito no leste da Ucrânia persiste até hoje. O governo ucraniano diz que a Rússia tem enviado tanques e franco-atiradores para o front em áreas controladas pelos rebeldes. Mas são as supostas forças russas, com mais de 90.000 militares ao alcance da fronteira, que mais preocupam.

O que aconteceu com a população da Ucrânia na madrugada desta quinta-feira?

Postagens relacionadas: