Aki cascais

aki cascais

Qual é a origem do nome Cascais?

A origem do topónimo Cascais é incerta, contudo, José Leite de Vasconcelos avança no seu Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa a probabilidade de que derive do substantivo cascal, referindo-se assim a um amontoado de cascas.

Qual a importância da cidade de Cascais?

Apesar da sua importância, durante muitas décadas Cascais recusou sempre ser elevada à categoria de cidade, preferindo simplesmente a de vila. Como outras localidades, Cascais apresenta-se atractiva para imigração, sendo de destacar a variedade de origem dos que nela se instalam. Vista costeira do centro de Cascais.

Qual a origem das paróquias de Cascais?

Tal progresso decorre na criação das paróquias de Nossa Senhora da Assunção, de São Vicente de Alcabideche e de São Domingos de Rana, altura em que deixam de estar sujeitas à paróquia de São Pedro de Penaferrim, quando a Confraria de Nossa Senhora da Guia decidiu mandar edificar em Cascais uma ermida sob a invocação da sua padroeira.

Quem criou o brasão de Cascais?

O Brasão de Cascais remonta aos trabalhos do arqueólogo Affonso Dornellas, em 1930, por disposição do Ministério do Interior. Nos quatro anos posteriores, seriam desenvolvidos vários esboços que acabariam por não ser aprovados na sessão da Comissão Administrativa da Câmara Municipal, a 15 de Junho de 1934.

Qual a origem da região de Cascais?

Porém a vila de Cascais é, desde finais do século XIX, um dos destinos turísticos portugueses mais apreciados por nacionais e estrangeiros uma vez que o visitante pode desfrutar de um clima ameno, das praias, das paisagens, da oferta hoteleira e gastronómica variada, e animação.

Qual a origem da família real em Cascais?

A Família Real estabelece a sua presença em Cascais a partir de 1870 graças à reforma da antiga casa do Governador da Cidadela, que se converte no Paço de Cascais e onde a Corte se passou a instalar em meados de Setembro. D.

Qual a origem das paróquias de Cascais?

Tal progresso decorre na criação das paróquias de Nossa Senhora da Assunção, de São Vicente de Alcabideche e de São Domingos de Rana, altura em que deixam de estar sujeitas à paróquia de São Pedro de Penaferrim, quando a Confraria de Nossa Senhora da Guia decidiu mandar edificar em Cascais uma ermida sob a invocação da sua padroeira.

Quem criou o brasão de Cascais?

O Brasão de Cascais remonta aos trabalhos do arqueólogo Affonso Dornellas, em 1930, por disposição do Ministério do Interior. Nos quatro anos posteriores, seriam desenvolvidos vários esboços que acabariam por não ser aprovados na sessão da Comissão Administrativa da Câmara Municipal, a 15 de Junho de 1934.

Qual a origem da região de Cascais?

Porém a vila de Cascais é, desde finais do século XIX, um dos destinos turísticos portugueses mais apreciados por nacionais e estrangeiros uma vez que o visitante pode desfrutar de um clima ameno, das praias, das paisagens, da oferta hoteleira e gastronómica variada, e animação.

Quem foi o senhor de Cascais?

São nesse ano sucedidos pelos de Vilhena (com D. Henrique Manuel de Vilhena como Senhor de Cascais entre 1373 e 1384 e entre 1385 e 1386). Na crise de 1383–85, Cascais manteve-se fiel a D. Beatriz, algo que viria a justificar a doação da vila, por D. João I, ao Dr. João das Regras:

Qual foi a primeira presença humana no município de Cascais?

Entrada das grutas artificiais de Alapraia. A presença humana no atual território do município de Cascais dá-se pela primeira vez na pré-história, em cerca de 2000 a.C., com a presença de alguns povos nómadas do Paleolítico Inferior.

Quantos habitantes tem o município de Cascais?

Cascais MHC é uma vila portuguesa, sede do município homónimo, fazendo parte do distrito e da área metropolitana de Lisboa. Em 2018, o município de Cascais totalizava 212 474 habitantes distribuídos por uma área de 97,40 km².

Postagens relacionadas: