Laringite infantil

laringite infantil

Como tratar a laringite da criança?

O choro da criança piora a situação, por isso o melhor é tentar acalmá-la e ajudá-la o mais rápido possível. O consolo é que a laringite costuma ser pior nas duas ou três primeiras noites, e normalmente vai embora sozinha depois de uma semana.

Quais são os tipos de laringite?

A laringite pode ser classificada em dois principais tipos de acordo com a duração dos sintomas, sendo eles: Laringite aguda, em que os sintomas duram cerca de 7 dias, sendo mais comum de acontecer em crianças; Laringite crônica, em que os sintomas duram semanas, sendo mais frequente de ser observado em adultos.

Quando a laringite é contagiosa?

Quando tem origem vírica, a laringite é muito contagiosa, caso contrário não se transmite. O contágio faz-se por via respiratória quando a criança tosse ou espirra. Quando pode a criança ir para a escola?

Quais são os sintomas da laringite aguda não obstrutiva?

Odinofagia (dor na garganta ao engolir). Estes dois últimos sintomas são comuns a outras infeções da garganta, como a faringite aguda e a amigdalite aguda, que frequentemente estão associadas à laringite aguda, atendendo à sua proximidade anatómica, contudo sem a associação desta última não há rouquidão.

Quais são as causas da laringite infantil?

Em certos casos, no entanto, a laringite infantil também pode ser consequência de uma alergia: ao pólen, a um medicamento, ou a qualquer outra substância. Nestes casos, o problema tem tendência a aparecer sempre que a criança entra em contacto com a substância alergénica.

Como tratar a laringite?

Tratamento da laringite. - Em vez de recorrer a medicamentos, o método mais simples e, muitas vezes, mais eficaz, consiste em levar a criança bem agasalhada para a casa de banho, fechar portas e janelas e abrir a torneira de água quente da banheira, para que a criança respire os vapores.

Quais são as épocas de maior ocorrência da laringite?

A laringite afeta principalmente crianças de 6 meses a 3 anos, mas pode ocorrer em crianças mais velhas. As épocas de maior ocorrência são o outono e o inverno. Leia também nosso artigo sobre Covid-19 em criança pequena e conheça os sinais de alerta.

Como reduzir o risco de laringospasmo?

- A fim de reduzir o risco de que a crise se repita, é aconselhável que a criança durma apoiada em almofadas, de modo a que a cabeça fique ligeiramente elevada. - Em alguns casos, o pediatra pode receitar cortisona. - Quando o laringospasmo se manifesta após a toma de algum medicamento ou uma picada de inseto.

…. A laringite é contagiosa? A laringite é uma doença que apenas tem perigo de contágio ou de transmissão nas suas formas infeciosas, particularmente as víricas e as determinadas por infeciosas específicas como a tuberculose.

Quanto tempo dura a laringite?

A laringite pode ter causa infecciosa, podendo ser devido a infecção por vírus, fungos, bactérias ou parasitas, ou ter causa não infecciosa, sendo consequência de alergias, refluxo ou tensão vocal, por exemplo. Normalmente a laringite tem duração de até 7 dias, sendo recomendado nesses casos repouso da voz e inalação de vapor.

O que é laringite não infecciosa?

Laringite não infecciosa, em que a inflamação da laringe acontece devido a situações não infecciosas, como alergia, refluxo e tensão vocal, por exemplo; Laringite infecciosa, que pode ser causada por vírus, fungos, bactérias e parasitas.

Quais são os sintomas da laringite viral?

Em muitos casos, a laringite viral está associada a um resfriado ou gripe. Os sintomas são muito semelhantes aos de gripe e resfriado. A laringite viral não é contagiosa por si só. O resfriado e a gripe que acompanham a laringite, entretanto, são contagiosos.

O que é laringite aguda e crônica?

Laringite aguda: é o caso de inflamações de curta duração da laringe, normalmente a inflamação é repentina e dura por um curto período. Laringite crônica: ocorre quando há inflamações prolongadas da laringe e é um caso mais preocupante que poderá durar um bom tempo.

Postagens relacionadas: